Pesquisar este blog

Relógio

Vejam em outras línguas

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish
 

Páginas

14 de nov de 2010

Entrevista com baixista e vocal da banda AIP! Rodrigo Aippe

Banda Aip! no Formigueiro, São Paulo - SP
Nesta semana eu, @Denny_3 e @Dyedre_p, fomos conversar com o baixista e vocalista da banda paulista, Aip!, RICARDO AIPPE. Formada no inicio de 2003, com os irmãos Rosana e RICARDO Aippe, tendo o primeiro álbum demo gravado e lançado em 2004, em 2006 um álbum independente, em 2009 uma coletânea e em 2010 um EP, que hoje sao parte da discografia da banda...
Musica A Cultura dos Nossos Ouvidos (@Denny_3): Bom hoje estamos com Ricardo Aip! baixista e vocalista da banda Aip!. Seja bem vindo Ricardo, ricardo a banda tem influencias de que bandas?
 Ricardo Aippe: Olá, boa noite a todos, cara, a banda tem influencias diversificadas... por minha parte é de bandas como green day, pearl jam, ramones, raimundos, nirvana, metallica e assim vai o Daniel q é batera curte mais bandas como sepultura e a Ro gosta de hard rock.
Musica A Cultura dos Nossos Ouvidos (@Dyedre_p): Como é a formação da sua banda?
Ricardo:  Somos em 3 integrantes, eu Ricardo, baixo e voz, a Rosana guitarra base e solo e o Dani Sun na bateria.
Musica A Cultura dos Nossos Ouvidos (@Denny_3): Ricardo, o cenário undeground do Brasil é rico, vocês querem serem reconhecidos mundialmente?
Ricardo: Sim, sem duvida... é um trabalho interminavel ter banda e batalhar por seu " lugar ao sol " o reconhecimento é resultado de um trabalho bem feito e sem reconhecimento praticamente nao ah arte ... acreditar é uma das chaves, a outra é o trabalho ... infelizmente nao é só isso, varios outros fatores influenciam e tornam bandas grandes ou nao ...
Musica A Cultura dos Nossos Ouvidos (@Dyedre_p): Estão com novos projetos?, como é organizado os eventos relacionados com a banda? 
Ricardo: Sim, sempre ... Estamos sempre fazendo novas musicas, depois selecionamos algumas e gravamos normalmente umas 6 e vamos atras de espaço reunimos bandas do mesmo genero fazemos alguns FESTSenfim, sempre atras de PROFISSIONAIS q se interessam e respeitam tanto os musicos quanto o espaço ..
Musica A Cultura dos Nossos Ouvidos (@Dyedre_p): Que legal!, Como você avalia o rock  atual no Brasil?

Ricardo: Olha, penso no rock atual em 3 etapas. 1º seria as bandas conceituadas, as quais é indiscutivel o profissionalismo, tais como Paralamas, Engenheiros, Sepultura, Ratos, Titãs, CH. Brown, Rappa, etc. 2º seriam as bandas "midia" q muitas vezes nao agregam valor algum... entretanto sao bandas q ou possuem ou movimentam $$$, o q acaba a trajetoria muito mais facil do q as bandas acima citadas ... 3º seria as bandas independentes, alternativas ... sao bandas q tem a liberdade de criar e fazer as musicas dentro da ideologia das mesmas criar e deixar a musica sair ... alternativos e independentes movimentam gdes festivais, gdes nomes, entretanto sao bandas q nem todos conhecem ...
Musica A Cultura dos Nossos Ouvidos (@Denny_3): São paulo, uma terra onde que não é tão pioneira no rock, mas tem como bandas como vocês que anima o nosso estado, como os fãs reagem a vocês?  
Ricardo: A maioria das pessoas q ouvem nosso trabalho gostam... acham diferente, acham legal ... o dificil é o q disse anteriormente infelizmente os espaços sao limitados e alem de serem limitados muitas vezes sao monopolizados isso dificulta no caso de ampliar o numero de pessoas nas casas, de mais pessoas conhecerem, etc...  
Musica A Cultura dos Nossos Ouvidos (@Denny_3):Vocês tocam inglês, é pra o mundo conhecer a banda ou outro motivo? 
Ricardo: As influencias sao um os motivos, mais acho q o principal é nao haver barreira ... alias, fronteira (risos)

Musica A Cultura dos Nossos Ouvidos (@Dyedre_p): AIP é um nome bem diferente, por que esse nome para a banda? 
Ricardo: O Aip! é diferente as letras sao legais é facil de lembrar visualmente é legal e é nosso sobrenome (muito risos)
Musica A Cultura dos Nossos Ouvidos (@Dyedre_p e @Denny_3): Hum entendemos, nós do blog  agradecemos pela entrevista, qual é a mensagem que você deixa para todos á respeito do trabalho de sua banda? 
Ricardo: Eu q agradeço a gentileza...mensagem ...bem ...
 Agradecemos a todos q nos acompanhade se identifica com o q fazemos e a todos aqueles q estao na mesma estrada vivendo a mesma cena se unindo, conversando, fazendo acontecer  criando, buscando, levando as pessoas musica sincera ...nao precisa ser assim ou assado, nao tem fórmula apenas sincera a todos um abraço, um beijo boa noite.
Ricardo Aippe
www.aiprock.com
www.myspace.com/aiprock

8 de nov de 2010

Masterplan - Time To Be King

Galera do power metal, hoje falo do novo CD do Masteplan, o grande álbum Time To Be King. O Masterplan é uma banda de power metal formada em 2001 por ex-integrantes do Helloween, o novo CD do Masterplan fala sobre o rei solitário, os riffs de Roland Grapow está estupendo. A volta triunfal de Jørn Lande. O CD merece destaque pra o primeiro single do álbum, Fiddle of Time, a faixa-titúlo Time to Be King e Lonely Winds of War. Enfim um álbum que recomendo. (8,5) 

7 de nov de 2010

System of A Down e os Hiatos dos integrantes

Scars On Broadraway
Shavo, Serj, Daron e John
O que falar sobre uma banda que realmente é doida, e em suas músicas fazem protestos ao impearilismo do seu país? System of A Down mas conhecido como SOAD, não é uma apenas uma banda famosa dos EUA, é uma verdadeira banda como Rage Against Machine. SOAD começou tudo em 1993, e suas letras são muito politizadas, geralmente quem ouve ao extremo essa banda é um mero conhecedor de politica. Formado por integrantes de familía armenias, Serj Takian (vocal), Shavo Odadjian (baixo), Daron Malakian (guitar e back vocal) e John Dolmayan (bateria), os americanos revolucionaram o cenário New Metal, no fim da década de 90 e começo do século XXI. Uma banda que conseguiu respeito no mundo inteiro. System of A Down, seu primeiro álbum de estréia em 1998, é um dos mais incriveis que eu já ouvi em toda minha vida, pois lá está minha música predileta da banda, SUGAR. O CD é repleto de músicas importantes sobre o cotidiano mundial político. O segundo CD da banda Toxicity, é outra obra prima de primeira, lançado em 2001, contém músicas como Chop Suey, Shimmy, Jet Pilot e Aerials, repertiram e muito na carreira da banda. O Terceiro CD, o meu predileto o Steal This Album!, lançado em 2002, o álbum é realmente ótimo, principalmente quando fala de músicas como Fuck System!, BOOM!, I-E-A-I-A-I-O, Mr. Jack e o restante, porque é um CD muito bom. Os CD's de 2005 Mezmerize e Hypnotize, últimos CD's lançados da banda, confirmou que os caras são bom demais! B.Y.O.B e Question!, pelo Mezmerize, Attack, Dreaming e Lonely Day, pelo Hypnotize. SOAD depois disso tudo, deu um tempo pra banda, e seus integrantes formaram bandas pararelas. Serj Takian, envolveu-se num projeto solo, e tem um CD chamado Elect The Dead, e na bateria do projeto está o nosso querido John Dolmayan. Um dos pilares da banda, por ser um dos compositores mais ativos da banda, Daron Malakian, fez um projeto com uma banda Scars On Broadraway, com John e Franky Perez. Shavo, o baixista mais louco junto com o Flea do Red Hot Chilli Peppers, criou um projeto Achozen. Mas temos uma boa noticia SOAD não acabou, no último show deles Malakian disse: “Hoje será o último concerto depois de tantos anos juntos. Voltaremos em breve. Só não sabemos quando”. Homenageio esse post a @Ms_Jacke, fã absoluta do SOAD \o.
Achozen

2 de nov de 2010

Como pode?

Um dia destes eu (@Denny_3) e @Marcelloask estavamos conversando sobre nossos idolos, e ele mostrou um cara que parece demais com a voz do Ozzy Osbourne. Eu achei o unico a ter uma voz parecida era o Bobby "Blitz" Ellsworth, do Overkill, mas me enganei tem também o Andy Alkman, do Hellfueled. Estranho ou não, se o fã do Ozzy não presta atenção muito bem vai se confudir pelo Sadman! Confira:
Hellfueld

 


Overkill



Sigam ae @Denny_3 @Marcelloask @Musicaacultura
Quem curte Ozzy vai curtir também essas banda!

Os 4 acordes

Eae Galera do Música: A Cultura dos Nossos Ouvidos, esses meses enquanto tive muitas provas e seminários, volto a fazer um post. Um post falando sobre 4 acordes. Incrivelmente dá pra fazer muita música com 4 acordes. Eu, @Denny_3 e @BrunoMelloM estavamos procurando algo pra rir, e achamos isso, agradeço a ele por isso! Além de ser dublador ele também é ator, bom meu melhor amigo. Então amigos vou deixar vocês ouvirem e tirar a provas. Tem a versão internacional e a versão nacional. Mas enfim bora pra ouvir! E siga os twitters @Denny_3, @Musicaacultura e do @BrunoMelloM
Versão Nacional: 

Versão Internacional:

Seu navegador não suporta o vídeo.