Pesquisar este blog

Relógio

Vejam em outras línguas

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish
 

Páginas

30 de out de 2010

Airbourne - No Guts, No Glory

Agora falo sobre o novo CD do Airbourne, uma banda australiana, que é foda, bem que não é melhor que ACDC, mas a banda tem muito futuro. Esse CD com certeza é foda, mas é quase tão perfeito que o primeiro. Mas o começo do álbum parece que ia superar, mas no fim desanima. Mas afinal os dois CD's da banda é bom demais pra o nossos ouvidos! E com certeza está na minha TOP 10, de melhores álbum desse ano magnifico de 2010, mas não revelo o lugar porque só vou divulgar na primeira semana de 2011. No Way But The Hard Way, Raise The Flag e Bottom Of The Well, são as minhas predileta do álbum. Mas enfim você que é fã do ACDC, deve ouvir essa banda e também fã do rock 'n' roll, e alias a capa do álbum é magnifico e tem uma arte estupenda! Parabéns Airbourne. (9,0)

Discipline of Hate - Korzus

Eae Galera do Rock'n'roll, hoje eu @Denny_3, vou falar um pouco desse magnifico CD do Korzus, que mostra como o Korzus tem que ser mais conhecido no Brasil. Brasileiros que curtem thrash metal, bora ouvir a banda. Mas retomando falando de Discipline of Hate, é um ótimo CD. A introdução é bem fenomenal, o single Truth que até tem o videoclipe é bem legal, as letras do CD fala sobre as disciplinas do ódios, do cotidiano atual. O single 2012 é meu predileto, onde eles falam sobre a profecia maia. Agora basta ouvir a banda e reconhecer o Korzus como banda paulista e principalmente brasileira! (9.5) 

Seu navegador não suporta o vídeo.


SEGUE O TWITTER DO BLOG @MUSICAACULTURA 

Escape The Fate


Biografia: Escape The Fate


Bom galera, este é um Post especial contando a história da Banda Escape The Fate e falando sobre toda a trajetória da banda até os dias de hoje.

Importante vocês saberem que a banda já teve duas formações, entre uma delas o vocal, na qual Craig Mabbit (ex Blessthefall), tomou o lugar de Ronnie Radke (o porquê vocês conferem logo abaixo). Vale a pena conferir o som da banda na fase de Ronnie e na fase de Craig para vocês terem uma noção de como a banda era e como a banda está hoje. Há pessoas que preferem a antiga formação, já otras a atual. Ouçam e depois comentem qual vocalista o ETF vocês preferem! 

Para quem quiser ouvir o som dos caras, acessem o Pure Volume deles Clicando Aquie o MySpace Clicando Aqui







A HISTÓRIA

O Escape The Fate surgiu através do MySpace quando Ronnie Radke e Max Green estavam à procura de novos membros após a sua antiga banda ser desfeita. Os dois, pelo MySpace, encontram o guitarrista solo Bryan Money, que estava a procura de banda em Las Vegas, e o guitarrista base Omar Espinosa (ex-Lovehatehero).

O amigo e baterista Robert Ortiz entrou por último completando o grupo. Em apenas um mês, os rapazes já eram sucesso em radios locais na cidade e assim rapidamente se tornaram sucesso no país. Em Setembro de 2005, eles ganharam um concurso de uma rádio local julgado por My Chemical Romance , que deu a oportunidade de abrir um show da banda que estava em turnê com Alkaline Trio







This War Is Ours Deluxe Edition (2010)



Em 15 de fevereiro, Epitaph Records anunciou a re-lançamento do This war is ours álbum de luxo em DVD / CD. O CD inclui duas novas canções nunca antes ouvidas, agora identificado como "Bad Blood" e "Behind The Mask", uma versão acústica de "Harder Than You Know", e um remix inédito chamado "This War Is Mine", de Clown Of Slipknot. Ele também vem com um DVD que apresenta o novo vídeo de "This War Is Ours (The Guillotine Part II)", bem como "Something", "The Flood" e "10 Miles Wide". Ele também vem com um documentário da turnê mundial e Por trás do recurso de música. é devido para a liberação em abril 2010 27. Escape The Fate começaram sua turnê na Austrália, no Soundwave a cantar " Bad Blood ", como parte de seu set list.





Slash:"ele é o cara?"-Confira logo abaixo:

Fala Galera,neste meu primeiro artigo no Música:A Cultura dos Nossos Ouvidos,eu @lucas_rockmusic ,irei falar sobre um dos maiores guitarristas da história do Rock n' Roll.O título basicamente se explica por várias perguntas que tenho recebido,e que eu me faço a maioria das vezes: "Slash:ele é o cara?" Bom,vou descobrir com vocês agora na biografia deste grande guitarrista;o texto será meu,não vou copiar nada,vou apenas pegar dados de algumas fontes sagradas:pois qualquer um pode ir na Wikipédia e ler.Chega de blá blá blá e vamos ao que interessa.


Introdução


Saul Hudson,mais conhecido como Slash,nasceu na cidade de Stoke-on-Trent,na Inglaterra,no dia 23 de Julho do ano de 1965.Slash tem como sua marca registrada a cartola,que ele mesmo admitiu ter "roubado". Tocou com o Guns N' Roses clássico:Axl Rose,Duff Mckagan e Matt Sorum.Atualmente,atua na sua própria banda o Velvet Revolver com alguns integrantes do Guns.


Biografia:


Vou começar sua biografia,falando da origem de seu apelido "Slash". Segundo Slash, foi um apelido dado por Seymour Cassel (pai de seu amigo Matt) pois sempre que Cassel via-o sempre com pressa.


O começo da sua relação com a música foi aos 15 anos,quando ganhou de sua avó um violão de apenas uma corda que ela pensou que seria um contra-baixo.


Após seu professor ver que Slash não sabia o que era um contra-baixo e nem sabia o que realmente queria tocar, ele deu aulas naquele mesmo violão com uma corda só até que ele comprasse uma guitarra e conseguisse fazer a sua música sozinho.
Após conhecer o guitarrista Izzy Stradlin em uma loja em que trabalhava(Izzy gostou de seus desenhos e foi comprimentá-lo), conheceu Axl Rose. Ambos Tracii Guns e Slash queriam entrar para o Guns como guitarristas solo. Na época, Slash foi escolhido pois três dias antes de um show Tracii Guns teria desistido . Assim deixou o Hollywood Rose que fundiu-se com o L.A. Guns e também abandonou o Tidus Sloan que era sua banda de garagem que havia começado.Depois disso, precisaram de um baterista e rapidamente Slash, lembrou que Steven Adler tocava bateria no Tidus Sloan e chamou-o para o Guns N' Roses.


Influências Musicais:


Suas influências musicais são pelo visto sensacionais,o que deve ter contribuido bastante para ser um grande guitarrista.Entre suas influências estão:
  • Black Sabbath
  • Jimi Hendrix
  • Aerosmith
  • Led Zeppelin
  • Rolling Stones
  • Eddie Van Halen
  • Jeff Beck
  • Eric Clapton
Saída do Guns N' Roses:


Saiu do Guns N' Roses em 1996, por não ter mais um bom relacionamento com Axl Rose(Axl tirou o som de Slash como o mais alto na mixagem e deu o privilégio ao recém-chegado Paul Tobias abafando seus solos). Este parecia ter sido o momento crítico. Slash já tivera problemas com a banda em outras vezes, como por exemplo na gravação da música "Sympathy for the Devil" (Rolling Stones), gravada para o filme Entrevista com o Vampiro, onde seus solos não foram incluídos na mixagem final. Slash foi fundamental na identidade da banda, resgatando solos do passado, buscando influências dos guitarristas que ajudaram muito ao surgimento do rock, usando suas influências do Blues, sempre fazendo covers e boas apresentações ao vivo.


P.S:única parte que copie do Wikipédia,pois não sabia o motivo da saída dele.


Solos Clássicos:


Slash fez vários clássicos junto ao Guns N' Roses,entre eles o mais conhecido: Sweet Child O' Mine.




E aí ele é o cara?Comentem!

14 de out de 2010

Hammurabi: Nova Geração de Metal do Brasil


O Hammurabi foi fundado por Daniel Lucas (baixo e vocais) e Críslei Rodrigo(bateria) em 2006. A banda surgiu a partir da dissolução da banda Gestalt, também fundada por ambos. Sua primeira formação contava também com Wagner Oliveira, que também fez parte da antiga banda. Neste mesmo ano o Hammurabi lançou uma demo com duas faixas. Submersos, assim chamada foi muito bem aceita pela mídia nacional especializada possibilitando shows em outros estados quase de imediato. Wagner Oliveira (guitarra) sairia da banda em agosto de 2007, logo após tocarem ao lado do Krisiun em Belo Horizonte. 
Já em 2008, ainda de forma independente, seu primeiro lançamento profissional veio a tona. Shelter of Blames alavancou 7 shows em 3 semanas consecutivas no estado de São Paulo, incluindo capital, e ainda, a abertura do show dos alemães do Sodom na passagem pela capital mineira onde oficialmente, tivemos o lançamento deste MCD. Este álbum, possibilitou uma diversidade maior de cidades pelas quais a banda passou e a formação enquanto quarteto já estava consolidada com a participação dos guitarristas Danilo Henrique e Josias Martins. Em meados de 2009, Josias Martins deixou a banda para a volta de Wagner Oliveira, que foi oficialmente efetivado em dezembro deste mesmo ano após realizar os dois últimos shows da agenda da banda em Conselheiro Lafaiete, no interior de Minas Gerais e na capital do estado do Rio de Janeiro. 
Outras bandas tocaram ao lado do Hammurabi ao longo desses três anos e por toda a sua notável experiência e reconhecimento, seja no mercado nacional e/ou internacional, não poderiam deixar de ser mencionadas neste release. Além do Krisiun e do Sodom, dividimos o palco com os equatorianos do Total Death, seus conterrâneos (mineiros) do Drowned, Witchhammer, Sarcasmo, Paradise in Flames e Lustful; os paulistas do Andralls, Nervochaos, Funeratus, Morfolk, Clawn, Crystal Lake e Bestial Atrocity; os cariocas do Unearthly, Dark Tower, Enterro, Farscape e Anopsy e ainda os catarinenses do Khrophus, dentre outras várias bandas, não menos importantes, nas várias cidades que tivemos o prazer de dividir os palcos. 
Para finalizar,tivemos uma grande surpresa no primeiro mês deste ano, Paulo Jr., baixista da maior banda brasileira de metal, o Sepultura; apontou o Hammurabi como sendo a banda revelação nacional no ano de 2009 pela coluna Mondo Metal, uma das principais colunas do Grupo UAI, um dos mais importantes veículos de Minas Gerais que inclui o Jornal Estado de Minas, a TV Alterosa e a estação de rádio Guarani FM, dentre outros. Atualmente a banda trabalha em seu primeiro disco ("full lenght"), The Extinction Root.
Ouçam a banda: 

Seu navegador não suporta o vídeo.


Sigam o twitter do Blog e da banda: @Musicaacultura e @Hammurabibrasil 

Onde veio a inspiração pra esse blog?

Olá galera aqui é o @Denny_3 e vim aqui pra falar um pouco sobre a inspiração desse blog. O blog como todo mundo começou no dia 19 de março de 2010, praticamente quase 5 meses de vida, criado em todo design e a maioria dos posts por mim, a inspiração vem dessa grande revista, que hoje já está no 3º ano, e na revista 147. A capa atual é essa do Blind Guardian, que fez um excelente álbum o aclamado At Edge of Time. Pra mim o segundo melhor álbum de 2010 por enquanto, o primeiro ainda é o Generation Wild, do suecos do Crashdïet. Mas uma coisa eu não fiz isso sozinho, quem deu a ideia foi o @Caceconrad, pois ia fazer um, me ajudou muito no ''Musica que todo mundo conhece; Mas ninguem sabe o nome'', agradeço também ao @Renan_Soares_gd, ele também ajudou e muito porque foi ele que fez o MindFlow aceitar a entrevista e me ajudar a organizar esse blog, também agradeço a @Dyedre_P ela também faz parte desse imenso trabalho, ela que trouxe várias entrevistas. Bom a principal inspiração mesmo é da Roadie Crew!